Previdência Privada ou Poupança: como escolher a melhor opção?

Home / Previdência Privada ou Poupança: como escolher a melhor opção?

Previdência Privada ou Poupança

A Caderneta de Poupança é, tradicionalmente, a aplicação mais conhecida e utilizada pelo brasileiro que busca criar uma reserva de dinheiro. A simplicidade de seu funcionamento – abra uma conta, deposite um valor e espere esse dinheiro valorizar com juros mensais – sempre foi um atrativo que oferecia segurança e rendimento constante a longo prazo. Nos últimos tempos, as seguidas reduções que o Governo Federal promoveu na Taxa Selic, a taxa básica de juros da economia brasileira, reduziram sua capacidade de rendimento – e chamaram a atenção para outro investimento que pode ser ainda mais lucrativo e seguro: a Previdência Privada.

Então, é melhor escolher Previdência Privada ou Poupança? São duas formas eficientes de poupar dinheiro a longo prazo – e uma não invalida a outra. Criar um Plano de Previdência e uma Caderneta de Poupança e unir seus rendimentos pode ser uma ótima forma de, por exemplo, complementar a aposentadoria. Mas, como fazer isso?


O que é Previdência Privada

A Previdência Privada é uma aplicação financeira em Renda Fixa que é oferecida por instituições financeiras autorizadas, bancos e corretoras. O dinheiro do beneficiário é aplicado em um investimento de baixo risco, como um fundo de investimento ou em Títulos do Governo, e gerido de forma a se valorizar com o tempo. O próprio investidor pode optar por realizar novos aportes mensais para incrementar o acúmulo de capital e, após um período de tempo definido em contrato, usufruir do dinheiro.

Esta fase de usufruto do dinheiro pode ser na forma de um resgate do valor total acumulado ou com o recebimento de uma renda mensal, como se fosse um plano de aposentadoria. Justamente por isso, a Previdência Privada é uma ótima alternativa ou complemento à aposentadoria do INSS: a possibilidade da renda privada ser superior ao da renda social só depende do beneficiário. Os planos de previdência são divididos em VBGL e PGBL pela forma como é incidido o Imposto de Renda – cujo abatimento também depende da escolha entre o regime regressivo e o regime progressivo.  

O que é Poupança

A Caderneta de Poupança é uma aplicação financeira também com Renda Fixa e disponibilizada por instituições financeiras, geralmente bancos. O dinheiro do beneficiário é aplicado em uma conta que rende mensalmente com base em dois indicadores: a Taxa Selic e a Taxa Referencial (TR). Caso a Taxa Selic esteja especialmente baixa (o que ocorre atualmente), a Poupança não rende mais do que 0,50% ao mês – abaixo, por exemplo da Inflação.

O beneficiário de uma caderneta também pode realizar novos aportes a qualquer momento para auxiliar no crescimento do montante. Outras vantagens são a possibilidade de sacar o dinheiro a qualquer momento e a garantia do Fundo Garantidor de Crédito (FGC) no valor de até R$ 250 mil em caso de quebra do banco. Além disso, a Caderneta de Poupança não é abatida pelo Imposto de Renda.



Principais diferenças entre Previdência Privada e Poupança

Confira abaixo as principais características que diferem aplicar dinheiro em Previdência Privada ou Poupança:

Rendimento


Previdência Privada 🡪 Varia de plano para plano, mas existem alguns com rendimento anual acima de 10% (fora as taxas);
Poupança
🡪 Costuma apresentar um rendimento reduzido nos últimos tempos, ao redor de 5% ao ano e não superando a Inflação;

Taxas

Previdência Privada 🡪 Buscar a Taxa de Administração mais baixa costuma ser a chave para encontrar o melhor plano de previdência – fique atento à possível cobrança de outras taxas desnecessárias, como de Carregamento e de Saída;
Poupança
🡪 Bancos não costumam cobrar Taxas de Administração para a Caderneta de Poupança;


Imposto de Renda

Previdência Privada 🡪 A incidência do Imposto de Renda no momento do saque é obrigatória, mas o cálculo da alíquota e o montante que sofrerá o abatimento dependem das escolhas do modelo do plano (VGBL ou PGBL) e do regime (regressivo ou progressivo);
Poupança
🡪 É uma aplicação isenta de cobrança do Imposto de Renda;


Saque

Previdência Privada 🡪 É realizado após um período de tempo definido em contrato na forma de uma renda mensal (regime progressivo de abatimento do IR) ou com o saque do valor total (regime regressivo de abatimento do IR);
Poupança
🡪  O dinheiro pode ser sacado a qualquer momento.3 critérios para escolher Previdência privada ou poupança

Antes de optar por investir suas economias em Previdência Privada ou Poupança, tenha em mente os seguintes critérios:

1.Você possui um objetivo prático para o uso do dinheiro ou pretende garantir a aposentadoria?

2.Pretende deixar o dinheiro aplicado por um bom tempo ou prefere manter em aberto a opção de sacá-lo?

3.Tem condições de realizar novos aportes mensais ou acha que só conseguirá realizar aportes esporádicos?

Vantagens de ter Previdência Privada e Poupança

O investidor não precisa ter que escolher entre Previdência Privada ou Poupança: é plausível e ainda mais vantajoso manter as duas opções ativas na carteira. Enquanto a primeira pode ser mantida como complemento ideal à aposentadoria, a segunda pode ser preservada como uma fonte segura de onde se pode resgatar dinheiro para uma situação emergencial – sem sofrer com o abatimento de taxas bancárias ou do Imposto de Renda.

Confira as principais vantagens de ter as duas aplicações:

🡪 Acessibilidade: são investimentos ao alcance de qualquer pessoa;

🡪 Equilíbrio: enquanto a Previdência rende mais para o futuro, a Poupança dá a segurança do resgate a qualquer hora;

🡪 Planejamento: manter as duas opções permite ao investidor realizar planos financeiros concretos para o curto, o médio e o longo prazo.

Dúvidas sobre previdência privada? Acesse o site Sua Previdência e fique bem informado!

About Author

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *